Quem convidar para o casamento



Eis que vocês saem para jantar, uma noite romântica e linda. Um céu estrelado onde uma lua cheia orgulhosamente se exibe, um clima agradável, um ambiente aconchegante e um pedido. SIM, eu aceito. Agora vocês estão noivos, que alegria poder imaginar uma vida inteira ao lado do seu amor, não é? Pensar na vida, na casa, na família que em breve se formará, no jantar que unirá as famílias e na festa de casamento onde todos os amigos queridos e familiares celebrarão juntos esta tão esperada união. Mas quem convidar para o casamento?

Esta nem sempre é uma decisão simples de ser tomada. Na teoria todo mundo sabe - é só convidar somente os amigos e os parentes próximos. Na prática, dá muita dor de cabeça incluir e excluir pessoas principalmente se a decisão envolve um orçamento ou um lugar predeterminado. Casais que possuem família e círculo de amigos muito grandes geralmente enfrentam alguns problemas ao fazer a lista de casamento. Por isto, vamos listar algumas boas práticas que podem auxiliá-los nesse momento.

Qual é a média de convidados para o noivo e para a noiva?

Bom senso é a alma do negócio, mas não é todo familiar ou amigo que tem. Risos. Primeiro o casal precisa por os pés no chão e considerar o dinheiro que pretendem gastar e a capacidade do local que escolheram para realizar a festa. Digamos então que você tem uma lista máxima de 200 pessoas; 70 convidados da noiva, 70 convidados do noivo e 60 convidados em comum. Isso significa algo em torno de 17 famílias de 4 pessoas e 16 casais de amigos para cada. Portanto preciso selecionar bem quem convidar para o casamento.

Uma festa onde todos querem celebrar

Se a família é grande, convidar apenas 70 pessoas de cada lado vai restringir, obrigatoriamente, o convite só aos parentes que tem convívio mais frequente e íntimo com o casal. Lembrem-se que aqui é quase sempre impossível deixar de considerar os amigos próximos dos pais do casal e da família. O casamento é de vocês, sim, mas a festa e a celebração em grande parte é dos pais, então, antes de fechar a lista, perguntem se os pais de vocês têm algum convidado que gostariam de chamar e que não podem ficar de fora.

Comece livremente

Não vai ter jeito, mesmo que vocês comecem a lista colocando as pessoas mais importantes, quando se derem conta o número já terá passado longe da meta. Não se desespere. É normal. Então, faça a lista o mais completa possível no início, tente não esquecer de ninguém e depois, enxuguem cada vez mais.

Feche o cerco

Depois da primeira lista, começa a parte difícil, cortar nomes. A ideia é ir apertando mesmo, vá tirando os nomes das pessoas mais distantes (emocionalmente falando) aqueles conhecidos ou amigos de outra época que hoje já não fazem mais parte do contexto atual da vida vocês, por exemplo. Depois, corte o nome das pessoas que não teriam como vir ao casamento (fisicamente falando). Sabe aqueles tios adorados, mas que moram em outros estados e que nunca vieram a festa nenhuma, então. Mas não se desespere, você ainda deve mandar o convite para os tios queridos e perguntar com delicadeza se eles conseguem confirmar presença. Se eles não confirmarem, inclua outros nomes no lugar.

Feche ainda mais

Se depois da primeira limpa o número ainda estiver muito além do seu limite, continue reduzindo o número aumentando o critério. Por exemplo, amigos muito amigos, mas que nunca saíram com o casal, podem ser cortados sem peso na consciência. Colegas de trabalho que até aqui tinham sido mantidos pela política da boa vizinhança, não vão ficar chateados se vocês explicarem que o lugar comporta apenas certo limite de pessoas e que a família é grande. Pessoas que não apoiam o casamento também não, necessariamente precisam ser convidados, né? ?

Defina seus convidados

Ao final do processo o ideal é que você leia cada um dos nomes dos convidados com muito gosto e não precise torcer o nariz para nenhum. Queiram ao lado de vocês as pessoas que realmente fariam de tudo para não perder essa festa mesmo que não tivesse música, comida e fotos. Risos. Pense que se todos os seus convidados tiverem o mesmo prazer em ir ao seu casamento, que você terá ao convidá-los, sua festa será um sucesso!